MBA em Gestão de Projetos

Existe uma crescente demanda por projetos dentro das organizações e adesão de startups por gestão de projetos e, isso, tem criado no mercado um cenário que necessita de entregas mais rápidas com conhecimento em frameworks híbridos de pequenas entregas. Assim, o conhecimento em empreendedorismo casa com este cenário exigindo estes conhecimentos e habilidades dos gerentes de projeto do futuro.

Nessa direção, o curso de nível pós-graduação MBA em Gestão de Projetos, pauta-se nas premissas do Project Management Institut (PMI), Associação Mundial de Gerenciamento de Projetos, que compartilha as melhores práticas, experiências, pesquisas e publicações com os seus filiados e por meio de artigos, livros e principalmente do Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK).

Este MBA, é desenvolvidaono mercado em diferentes áreas do conhecimento e visa o desenvolvimento de saberes específicos acerca das boas práticas de gerenciamento de projetos, utilizando 12 princípios de entrega de projetos, 8 domínios de desempenho, inovação, empreendedorismo, experiência do usuário, tecnologia exponencial, disciplinas ágeis, BlockChain entre outros.

Assim, a Especialização na área de Gestão de Projetos, integra seus esforços como instituição de formação profissional por meio da execução de um curso que visa capacitar e atualizar profissionais para atender ao mercado de trabalho do futuro, promovendo o desenvolvimento de gerentes de projetos.

Diferenciais

Sala de aula executiva.

SENAI LAB (espaço maker).

Laboratórios de Informática.

Laboratório de Eficiência Operacional e Gestão.

Profissionais graduados que desejam ampliar seus conhecimentos buscando atualização e aperfeiçoamento profissional; interessados em obter uma pós-graduação na área de Gestão de Projetos, para atuar no segmento de gestão estratégica, tática e ágil de projetos.

Aulas dinâmicas, teórica e práticas com material didático atualizado.

A metodologia de ensino institucional pauta-se nas seguintes caraterísticas fundamentais:

• Os princípios da interdisciplinaridade e da contextualização deverão ser preferidos relativamente ao tratamento estanque e puramente abstrato dos conteúdos;

• A criação de situações de aprendizagem ativa deverá ser preferida ao puro recurso às aulas expositivas;

• O equilíbrio harmônico entre a teoria e a prática deverá orientar a elaboração do planejamento de ensino de todas as Unidades Curriculares, porém, a prática não deverá ser entendida como aplicação imediata ou utilitarista;

• As situações de aprendizagem deverão incorporar, progressivamente, a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação – TICs;

• As situações de aprendizagem deverão incorporar, além de práticas laboratoriais, as possibilidades de aprendizagem dos projetos integradores, estudo de casos, visitas técnicas, projetos pedagógicos, estudo de campo e outras possibilidades;

• As metodologias deverão privilegiar a meta-cognição, de tal forma que, por um lado, o discente aprenda a aprender e, por outro lado, constitua-se como profissional reflexivo, capaz de aprender, a partir da própria prática, na medida em que consegue teorizá-la.

• Aulas com 2 (dois) encontros presenciais ao mês.

  • 30x de R$580,00

Depoimentos

Tenho Interesse

Mais Informações

Quer tirar dúvidas sobre o curso, investimento ou vestibular? Fale com um consultor especializado:

TENHO INTERESSE NO CURSO